Ainda não tem a nossa APP? Pode fazer o download aqui.

Ed Sheeran "invadiu" um casamento em Las Vegas para dar música aos noivos

O britânico, que continua nos Estados Unidos, tocou uma das canções do álbum que vai editar no outono.

Ed Sheeran "invadiu" um casamento em Las Vegas para dar música aos noivos
Ed Sheeran nos Brit Awards, Londres, 2022 Joel C Ryan/Invision/Associated Press

Ed Sheeran surpreendeu um casal que estava a dar o nó numa capela em Las Vegas, no Nevada, Estados Unidos. Esta segunda-feira, 11 de setembro, o músico britânico partilhou o momento nas contas oficiais nas redes sociais.  

Jordan e Carter Lindenfield - que são os noivos de acordo com a Rolling Stone - foram surpreendidos pelo artista inglês quando se preparavam para trocar os votos do matrimónio. Sheeran entrou na capela de guitarra nos braços e acompanhado por um coro. 

Os noivos tiveram direito a ouvir 'Magical', uma das canções de "Autumn Variations" - o álbum que sucede a "Subtract" (maio de 2023) e que vai ser lançado a 29 de setembro.  

 

No sábado passado, dia 9 de setembro, Ed Sheeran foi forçado a adiar o concerto que ia dar no Allegiant Stadium, também em Las Vegas. O britânico explicou que a decisão teve a ver com questões de segurança. 

O anúncio do adiamento foi feito à última hora, o que, segundo relata a "Rolling Stone", fez com que algumas pessoas tivessem sido assistidas devido à exposição ao calor.  

Na primeira comunicação que fez aos fãs, Sheeran disse que teriam sido questões técnicas a impossibilitar a realização do espetáculo, porém, na segunda publicação o inglês explicou em detalhe o que aconteceu, justificando o adiamento com "problema no piso" do estádio. "As telhas de borracha soltaram-se - fazendo com que duas torres tivessem deslizado durante a noite", lê-se na nota publicada no Instagram.  

"Os engenheiros desmontaram a plataforma e reforçaram as torres, mas ambas continuaram a mover-se no Allegiant Stadium, no Nevada, levando ao cancelamento no sábado à última hora", continua o comunicado. 

"Foi uma questão de segurança, e nós realmente tentámos fazer o melhor que conseguimos para que o espetáculo acontecesse. A questão é que nunca iria arriscar a segurança dos meus fãs", acrescentou Sheeran na publicação.